Água: abastecimento é precário no Oeste

Seara e Concórdia são as mais afetadas

O deputado Altair Silva (PP) cobrou nesta terça-feira (2), durante a sessão ordinária na Assembleia Legislativa, investimentos e atenção da Casan aos recorrentes problemas no abastecimento de água dos municípios de Concórdia e Seara.


Interrupção dos abastecimentos nas partes altas da cidade, substituição de tubulações, calçadas quebradas, trocas de adutoras, disponibilização de maquinários para o serviço e adequação dos servidores são os principais problemas enfrentados nas duas cidades.

“Concórdia e Seara são problemas históricos com o abastecimento. Precisamos que a Casan olhe para esses municípios e não meça esforços para resolver a crítica situação”, cobrou Altair.


Concórdia

O município de Concórdia decretou situação de emergência devido à falta de abastecimento de água na última quarta-feira (27). A medida adotada visa garantir que a população tenha abastecimento regular nos bairros da cidade. Durante o fim de semana, a administração municipal, contratou caminhões pipa que estão abastecendo as regiões afetadas.

Em um levantamento prévio, dos 40 bairros analisados, 23 estão com situação crítica, ficando mais de três dias sem água. Para amenizar, o prefeito Rogério Pacheco e o Ministério Público, estarão analisando uma forma jurídica e legal para bloquear os valores pagos pelos concordienses na conta de água.


Nesta semana, membros da Casan estiveram reunidos com a administração na tentativa de minimizar os problemas, e apresentaram o cronograma das obras que estão sendo feitas na cidade, a curto, médio e longo prazo. 


O cronograma lista providências como ampliação das estações de recalque com aumento de pressão e vazão, instalação de monitoramento online do sistema, substituições de motores-bomba (booster) para bairros mais afetados (como Arvoredo e Imigrantes) e o status da contratação da obra de Adutora Portinari e Reservatório do Merlo, que pretende até o final do ano melhorar o abastecimento de seis bairros, quatro loteamentos e, reduzir a demanda de outros três bairros.


Conforme Altair Silva, o momento é cobrar para que o abastecimento seja restabelecido. “Precisamos que as pessoas abram a torneira e tenham água potável saindo. Depois vamos acompanhar os programas de investimentos. Queremos que essa situação se resolva o quanto antes”, comentou Altair Silva.


O plano emergencial da Casan prevê realocação de oito funcionários de diversas cidades do Estado para auxiliar nos trabalhos de conserto da rede de abastecimento e a circulação de 3 caminhões para atendimento à população em pontos e em situações críticas de abastecimento.


Seara

O município de Seara, 40 quilômetros distante de Concórdia, sofre há muitos anos também com a questão da falta de água, fruto da ausência de investimentos da empresa. Os vereadores searaenses estiveram na última semana participando de uma audiência com a presidente da Casan, Roberta dos Anjos, cobrando melhorias nos serviços prestados.

“Nossa equipe esteve junto com os vereadores para intermediar através da Casan a reconstrução das calçadas danificadas pela instalação das novas adutoras e a melhora no serviço prestado”, afirmou Altair.


Uma comissão especial da Câmara de Vereadores de Seara levantou dados que foram entregues para a presidente da estatal, em busca de sensibilizar e demonstrar a situação.



0 comentário

Deputado Estadual

de Santa Catarina

© Copyright 2020  |  Altair Silva  |  Deputado Estadual

Imagens Meramente Ilustrativas