Altair Silva propõe a criação da Frente Parlamentar da Apicultura em SC

O deputado estadual Altair Silva propôs na Assembleia Legislativa a criação da Frente Parlamentar da Apicultura e Meliponicultura de Santa Catarina, que tem o objetivo de acompanhar as políticas públicas, programas e projetos da atividade apicultora e meliponicultura, além de estimular o aumento da produtividade e competitividade no setor.


Conforme Altair Silva, Santa Catarina tem o melhor mel do mundo e precisa cada vez mais valorizar o produto que é produzido no Estado. “Temos mais de 9 mil apicultores que se dedicam para entregar um produto de altíssima qualidade. Através da Frente queremos acompanha as atividades do setor, dar apoio técnico e financeiro, além de estimular cada vez mais a competitividade do mel em Santa Catarina”, afirmou Altair.


O estado de Santa Catarina já é considerado no cenário nacional como maior produtor de mel por quilômetro quadrado do país e o maior exportador do produto, além de ser considerado como um dos melhores do mundo.  São cerca de 9,7 mil apicultores em todo o Estado, onde 80% delas têm a apicultura como principal atividade econômica. São 315 mil colmeias em produção, o que representa mais de 60kg por metro quadrado. 42% do mel produzido no estado tem certificação como orgânico e 99% do mel exportado é orgânico.


A atividade da apicultura é uma atividade prevencionista e econômica, que não prejudica o meio ambiente. Altair ressalta que a Frente pretende também reforçar a divulgação positiva da imagem do segmento como uma estratégia de fortalecimento da agricultura familiar. “o nosso desafio é apoiar os apicultores, e as suas associações. Queremos aumentar o apoio técnico e de mercado para prosperar ainda mais a atividade”, comentou Altair.  


O presidente da Federação das Associações de Apicultores e Meliponicultores de Santa Catarina (Faasc), Enio Cesconetto, afirma que “Santa Catarina é referência na produção de mel para o Brasil, e isso se deve a tecnologia empregada e o modelo associativista de produção. Esperamos que a Frente Parlamentar potencialize ainda mais a produtividade no Estado”, ressaltou Cesconetto.




O requerimento da Frente Parlamentar recebeu assinatura de 21 parlamentares no Plenário e aguarda para ser instalada nos próximos dias.


Entrega do Requerimento

O deputado estadual esteve na sede da Federação das Associações de Apicultores e Meliponicultores de Santa Catarina (Faasc), quando entregou aos apicultores o requerimento da Frente Parlamentar que está em tramitação na ALESC. Durante o encontro, entre o parlamentar e a federação, foram debatidas as principais demandas do setor, que agora serão trabalhadas na Assembleia Legislativa e junto ao Governo do Estado.


O mel Brasileiro

No ano de 2000, o Brasil era considerado o 25º produtor de mel, e no ano passado assumiu a 8ª posição de maior produtor de mel do mundo. A expectativa é de que em cinco anos, o Brasil esteja no 3º lugar. Atualmente a China é o maior produtor mundial de mel, com 350 mil toneladas anuais, enquanto o Brasil produz cerca de 45 mil toneladas por ano.


Em 2016, o Estado foi o maior exportador de mel do Brasil e recebeu o prêmio de melhor mel do mundo em concursos durante os congressos mundiais de apicultura realizados na Ucrânia (2013) e Coréia do Sul (2015). A região serrana do Estado tem hoje a maioria dos produtores, devido ao clima frio que ajuda na formação de sementes e na florada das plantas, favorecendo a atividade.


“Santa Catarina é destaque, porque enquanto o país produz, em média, 5 quilos de mel por quilômetro quadrado, o Estado produz, em média, 65 quilos por quilômetro quadrado”, frisou Altair.



0 comentário

Deputado Estadual

de Santa Catarina

© Copyright 2020  |  Altair Silva  |  Deputado Estadual

Imagens Meramente Ilustrativas